É ruim ter sotaque?

08.02.2019

 

Então vamos lá! Faz muito tempo que eu quero escrever sobre esse assunto e, sendo sincera, decidi fazê-lo depois de assistir à um vídeo do Project Nightfall sobre isso.

 

Eu moro nos Estados Unidos, e embora muitas pessoas saibam disso, grande parte ainda não: existem MUITAS pessoas de VÁRIOS países aqui. Aonde quer quer você vá (mercado, cinema, restaurante, escolas, universidades, praias, parques etc.) você vai encontrar pessoas de todos os lugares possíveis. Elas estão trabalhando, estudando, passeando...e a primeira coisa que se percebe ao conversar com elas é que elas têm SOTAQUE. E isso é completamente normal!

 

Segundo o dicionário online Dicio, sotaque significa:

1. Pronúncia própria de cada indivíduo, região ou nação: sotaque mineiro.

2. Pronúncia que alguém tem ao falar outro idioma, caracterizada pela influência de aspectos linguísticos da sua língua materna: falava inglês com sotaque.

 

Em momento algum vemos que falar com sotaque é falar errado. Ter sotaque e  pronunciar errado são coisas diferentes. Embora você encontre, ao pesquisar no Google, pessoas dizendo que são a mesma coisa, eles estão errados.

 

Para quem já teve a oportunidade de estudar inglês fora do país, sabe que a diversidade cultural dentro da sala de aula é enorme! E provavelmente será a característica mais enriquecedora do seu curso! Você vai ver que as pessoas têm sotaques, porque carregam com elas sua identidade, sua língua. Nós somos a nossa língua! 

 

Quando prestamos o teste internacional TOEFL, por exemplo, não nos é requerido falar sem sotaque, mas sim, sabermos nos comunicar efetivamente. Inclusive, nos materiais de estudo para este teste encontramos os mais diversos sotaques nos áudios, exatamente para sabermos que o sotaque não influencia na comunicação se você souber pronunciar as palavras corretamente, e, mesmo que venha a errar na pronúncia de algumas delas, não significa que não consiga se comunicar.  

 

Ontem eu estava no mercado, e, embora não ocorra com frequência, ao conversar com o caixa sobre a nevasca da noite anterior, ele me perguntou: "Do you have an accent? (você tem um sotaque?)." Eu respondi que sim, que eu era do Brasil e em seguida o comentário dele foi: "Wow! Your English is amazing! (seu inglês é ótimo!)." Eu ter sotaque não faz diferença nenhuma na minha comunicação.

 

Infelizmente, o preconceito linguístico é real, ele existe. Ninguém deveria ser julgado pela maneira com que fala. Isso é muito errado. Assim como todo preconceito, é muito importante falarmos a respeito para contribuirmos com a diminuição de algo que considero extrema maldade. Devemos ser livres para carregarmos os traços de nossa cultura e identidade sem julgamento algum.

 

Assitam ao vídeo!  :-)

 

That's it!

Gostou? Compartilha! 

 

 

 

Please reload

Destaque

É ruim ter sotaque?

February 8, 2019

1/10
Please reload

Tags
Please reload