DO x DOES


Hey there! Vira e mexe você se pergunta quando tem que usar o DO ou o DOES em uma pergunta? Vamos tirar essa dúvida!


DO é o verbo fazer.


I do my homework. - Eu faço minha lição de casa.

She does math tests every other month. - Ela faz provas de matemática mês sim, mês não.


Porém, quando estamos usando o presente simples (eu faço/ando/como; ele dirige/trabalha/festeja etc.) ele pode ter uma outra função, a de verbo auxiliar. Isso quer dizer que o DO ajuda os outros verbos a formarem frases interrogativas e negativas (no presente).

Usamos o DO quando temos como sujeito I/YOU/WE ou THEY, ou o correspondente como nomes, objetos etc., e usamos o DOES, que nada mais é do que o DO conjugado na terceira pessoa do singular (ele, ela, isso etc.), quando usamos HE/SHE ou IT ou quando temos o correspondente, como uma única pessoa, um nome. Em ambos os casos podem também aparecer outros pronomes como THIS e THAT no lugar do pronome pessoal (I/you/he/she/it/we/they), mas é só mantermos a regra de que para o singular usamos DOES e para o plural DO, que tudo dará certo!


IMPORTANTE: O do/does não auxilia o verbo to be, pois o to be não precisa de ajuda, ele é autossuficiente ;-).


Em português, uma frase interrogativa é caracterizada pela entonação quando falada, e pelo ponto de interrogação quando escrita. Em inglês é o DO ou o DOES que vai indicar isso, pois sempre estarão posicionados antes do sujeito, normalmente no início da frase.

É importante lembrar que quando usamos o DOES (auxiliar), o verbo principal da frase não sofre alterações. Aí vão alguns exemplos. Notem onde o DO e o DOES aparecem na frase.


Do you work here? - Você trabalha aqui?

What do you do on Saturdays? - o que você faz aos sábados

Do we have a hammer? - Nós temos um martelo?

Do they live in São Paulo? - Eles moram em São Paulo?

Do Danila and Joice study at USP? - A Danila e a Joice estudam na USP?

Does you mom drive a truck? - Sua mãe dirige um caminhão?

What does this word mean? - O que significa esta palavra?

Does it hurt? - Isso dói?

Where does Fabio come from? - De onde o Fabio é?

Does John like his school? - O John gosta da escola dele?

Does that work? - Aquilo funciona?

How often does she work out? - Com que frequência ela malha?


Quando formamos uma frase negativa, tanto o DO quanto o DOES recebem o NOT, e se transformam nos famosos DON'T (do not) e DOESN'T (does not), e os colocamos antes do verbo principal. Veja:


I don't drive very well. - Eu não dirijo muito bem.

We don't live in Sorocaba. - Nós não moramos em Sorocaba.

My baby doesn't like milk. - O meu bebê não gosta de leite.

Marcos and Juliana don't go out very often. - O Marcos e a Juliana não sem com muita frequência.

Sarah doesn't drink coffee. - A Sarah não bebe café.

Those dogs don't look like dogs. They are too big. - Aqueles cachorros não pareces cachorros. Eles são muito grandes.

I have a car, but I don't use it very often. - Eu tenho um carro, mas eu não o uso muito.

Vegeterians don't eat meat. - Vegetarianos não comem carne.

He doesn't understand what I say. - Ele não entende o que eu falo.


É possível também formarmos perguntas negativas, que ficam assim:


Don't you like going to the movies? - Você não gosta de ir ao cinema?

Doesn't he live in an apartment? - Ele não mora em um apartamento?

He surfs very well, doesn't he? - Ele surfa muito bem, não surfa?



That's it! Para praticar, escreva algumas frases negativas e interrogativas no presente em português e depois traduza-as para o inglês.

Gostou? Compartilha!

See you soon!

Destaque
Tags